Archive for November, 2010

As rica tão usando: mix de correntinhas

Tuesday, November 30th, 2010

O ciganismo não para. Depois de falar dos Maxi vestidos, lá vem mais uma tendência bonita de quem curte um Cigano Igor cafungando no cangote: as correntinhas fofas misturadas entre sí. Ok, essa num é uma tendência tão nova – as fashionistas mais ligadinhas tem usado horrores faz tempo.

Acho legal saber que agora podemos sair parecendo uma árvore de natal de casa sem ninguém achar estranho. Como as opções de pingentes são infinitas, dá pra escolher tranquilamente aquele que tem mais a ver com a sua personalidade.

Mas onde comprar suas correntinhas fofas pra sair fazendo suas mistuanças?

A Maria Bijju tem várias opções bem diferentosas. Algumas são jóias banhadas a ouro e prata inclusive, então os preços são bem satisfatórios.

O E-Glam Bijoux tem as coisinhas mais fofas e delicadas do mundo: caveirinhas, coroinhas e tanta coisa tão bonitinha que queria morar já na minha gaveta. O preço médio é vinte e cinco reais, ou seja, CORRÃO!

A Pixie Dust sempre tem seleções de ursinhos, ferraduras, caveirinhas, boquinhas e coisas bonitinhas do tipo por um preço bem amigo.

E é claro que as bees mais corajosas podem sempre se jogar no Ebay. A gente já ensinou o caminho das pedras aqui, lembra?

Sempre lembrando que esse post é só pra exigir que alguma alma boa me dê bijous de caveirinha de presente esse natal, hein?!

Descontroladas por aí: encontrinho E-Glam, nós vamos!

Saturday, November 27th, 2010

Enquanto vocês lêem esse post, nós (Lelê e Débs) estaremos no meio de gente boa, bonita, perfumada e bem penteada no encontrinho do E-Glam, blog da queridíssima e lindíssima Kérou. 25 moçoilas cremosas vão se reunir para bater aquele papo de cocota que a gente ama, comer cupcakes, conhecendo os produtinhos da Mary Kay e da Pierre Pardon. Tá bom ou quer mais?

Contamos tudo o que rolou na volta do encontrinho. E bora terminar de se arrumar porque a dúvida mais cruel da vida de uma mulher nos acomete neste exato momento: que roupa usar?!

Beijo, SUAS LINDAS!

HolyUÓody: Leighton Meester ensina a fazer a rica bipolar

Friday, November 26th, 2010

Galera que chega no site procurando “como parecer rica” (juramos que essa é uma busca comum por aqui), aí vai um conselho pra vida dado pela SUALINDA Leighton Meester em pessoa: BI-PO-LA-RI-DA-DE.

Finja que o mundo da voltas e que não tem problema pagar bundinha na pior criação da história da Marchesa na frente de dez mil oitocentos e trinta e sete paparazzis. Na semana seguinte, um vestido Cristopher Kane estará lá te esperando na cama do hotel para tirar sua reputação da lama.

Afinal, um vestido duvidoso não é nada na vida de quem tem uma conta bancária que permite ressurgir como uma Fênix em um pretinho ladylike acinturado e com um abotinado Pierre Hardy que cause inveja no mundo.

Não esquece do carão de rica saudável no make básico e infalível: olhão delicadamente esfumado, blush da saúde e gloss discretinho. Anotou?!

É assim mesmo, criançada, um dia você é a bundeenha branquela da semana e no outro é o look  sualinda da semana. NÃO DESISTÃO!

Agora fica a dúvida: Leighton parou de tomar ácidos enquanto compra vestidos ou a Herbal Essences tem uma publicista maravilhosa que não deveria ser demitida nunca? Aguardemos o próximo red carpet!

Quero já: Asos com frete grátis, CORRÃO!

Friday, November 26th, 2010

Alô você que sempre sonhou com as meias, roupas e bijus da ASOS mas nunca teve uma vida financeira fácil: Papai Noel é seu amigo e liberou um frete grátis pro mundo todo como presente de natal.

É a chance da sua vida de comprar meias de coração, lacinho, oncinha, que duram pra sempre (ALÔ RENNER) e ser feliz. Corre amiga!

E pras beess iniciadas que ainda não conhece a ASOS (que ano é hoje?), clique djá e fique passada com tanta coisa bonita vinda de uma das mais amadas lojas online de StreetStyle do mundo. Apesar dos salgados preços em libras, a Asos é conhecida por usar tecidos super duráveis em peças realmente únicas. Bafão, amiga!

#comofas: o que usar na formatura para fingir sucesso

Friday, November 26th, 2010

Este post é uma homenagem a Lelê, pessoa mais inteligente que eu que conseguiu concluir aquela faculdade from hell. Parabéns, gata!

A gata formanda da vida real (que estudou pelo menos quatro anos igual uma condenada, correndo atrás de ônibus, sem dormir em dia antes de prova e fazendo turno duplo para pagar as contas da faculdade e o batom da MAC) pode precisar de ajuda para se vestir com dignidadjy na colação de grau.

A não ser que seu nome seja Hilary Duff, você provavelmente não é uma milionária formada em Harvard através de Ensino a Distância.

A conta bancária da cocota brasileira recém formada 9 entre 10 vezes não é das mais gordas. Como proceder para aparecer diva, linda e dourada de sol no final desse inferno chamado graduação?

Formaturas (como casamento, batizados, show do Terrasamba e conduções públicas nos domingos a tarde) são locais fadados aos erros dantescos de vestimenta que fazem Santa Cher chorar gotas de  Chanel Nº 5. Para evitar ser uma dessas pessoas horríveis que poluem o álbum de fotos do colega pelo resto da existência, vale a pena ficar de olho em algumas dicas:

Acertando o look:

A primeira coisa a se prestar atenção na hora de escolher o traje do sucesso é ler seu convite. Ele deve indicar uma dessas opções:

Black Tie ou Tênue de Soirée

O vestido pode ser longo ou curto, mas deve ser mais requintado. São permitidos decotes profundos, transparências, bordados em pedrarias e um porte de bom senso bem legal pra combinar isso tudo. Se esse for seu traje, coração, lembre-se que em formaturas o smoking é pros formandos e não pros convidados.

Social ou Passeio Completo:


Geralmente um vestido longo é a melhor opção, mas a amiga pode optar por um taillerzinho também. É o que Dilma faria. Bordados discretos e mínimo de pedraria – aqui é pra ser discreta, sua travesti!

Trajes formais

Um pretinho básico matador fica perfeito aqui. A camisa social com calça pra quem não curte vestido também é uma opção — mas lembre-se de fugir do look recepcionista de clínica: tente variar a calça com uma pantalona ou uma carrot.

Traje Esporte

Vestidos de alças, calças, saias e camisas. Tailleurs esportivos se bater aquele friozinho.

Traje Esporte Fino ou Tenue de Ville

Tailleurs esportivos, calça social com camisa ou um vestidinho mais básico. Pense em como você se vestiria para uma balada chique.

Respeite seu corpo:

É fácil identificar quem não lê o nosso blog. A gordinha suada de tomara que caia, a ombruda de frente única e a cheia de celulite e culote usando tubinho, por exemplo, nunca acessaram o site.

Mas a gata leitora do Fashion Descontrol tá ligada que usar o vestido certo é o segredo do sucesso na vida financeira, amorosa e espiritual. Se você não lembra, a gente traz de novo aquele post da Lauren Conrad sobre o tema pra você ler.

Testemunho da Lelê:

“Fuja de vestidos volumosos com o diabo foge da cruz. Manolo, aquele lindo vestido de babadinhos embaixo da tua beca vai parecer uma fralda, ficadica. Além disso, as luzes do palco, o nervosismo e os fotógrafos passando pra lá e pra cá fazem a gente suar feito burro. Eu fui com top e regata por baixo da beca, depois de pegar o diploma e me livrar da beca é que eu me montei bonita como vocês viram no jantar.”

Cinderella recomenda


Lembre-se: você estará de beca e só seus pézinhos serão revelados para o grande público que não vai no bota fora . Normalmente, para uniformizar a galera, combina-se que todas as formandas vão de sapatos parecidos – geralmente scarpin ou um pump preto.

A gente entende que você comprou a Melissa com Swarowski só pra essa ocasião, mas não seja um espírito de porco. Nada mais horrível que chegar na formatura com aquele mar de meninas de sapatos pretos e ver a gatinha esperta da turma de scarpin pink fluo da Planet Girls. Sim, todo mundo te odeia e lembra de você pra sempre como “a aparecida que estragou a foto” depois desse acontecimento.

Mas, se a turma não estiver nem aí pro sapato usado, você pode escolher o que quiser. Só pense no efeito que isso causa sob a beca: prefira um sapato básico, de corte clássico. Se você se formar de All Star, por favor, não volte mais nesse site e delete nosso número da sua agenda.

Acessórios

Bijus finas ou jóias da família são válidas. Mas se você for como  uma árvore de natal, os acessórios brigarão com a beca. Lembre-se também que quanto mais refinado for seu vestido, mais discretos devem ser os acessórios.

Se você optar por anéis engraçadosos de caveirinha, girafinha, menininha, cupcakezinho, arco irizinho, my little poneyzinho, hello kittyzinha ou unicórnio double rainbow all the way across the sky a gente realmente espera que sua turma curta muito seu senso de humor. Ou você vai só ficar ridícula.

Maquiagem

O carão do sucesso é o mesmo recomendado para casamentos: aposte no time que está ganhando. Permita-se ousadias discretas, como olho esfumado, delineado levemente colorido e coisas assim.

Cuidado com a pele e a iluminação: você vai tirar muitas fotos nesse dia, a gente quer que você pareça saudável, saca? Uma leve carregada no blush e muita atenção no corretivo e iluminador pros flashes não te traírem. Uma receita velha e amiga é tirar uma foto com flash de si mesma antes de sair pra que nada saia muito carregado.

Bocão + Olhão, Maquiagem Fluo e Bronzer excessivo são coisas que nos farão te esperar lá fora com ovos podres na mão. Tá achando que só porque se formou acabaram seus tempos de bullying?

Cabelo

Tudo que for bonito e se sustentar sob aquele chapeuzinho ridículo que você vai usar por uma hora lhe é permitido. Lelê provou recentemente que as cacatuas cabeçudas também se formam com sucesso.

Só não me vai na cabeleireira do bairro fazer aqueles cachos estáticos embesuntados de pomada de book de pobre, pelamor. Lembre-se da lição que Willow Smith transmite: cabelo das gata tem que ter movimento!

Testemunho da Lelê:

“Vocês tem duas opções — escova ou coque baixo (no meu caso, cacatua + trança embutida). Escova é garantia de que vc nao vai ter problemas com a borla (o chapeuzinho), que ele vai encaixar na tua cabeça e permanecer lá pra sempre. O problema é que ele com certeza vai marcar o cabelo. Então a gatha que sai direto da colação pra baladjeeeenha vai aparecer com um belíssimo círculo afundado no cocoruto, tipo uma auréola. E prender o cabelo meio alto, tipo um coque bailarina é fail total, porque a borla simplesmente não vai encaixar. O melhor é um coque baixo, uma trança embutida ou coisa do gênero”.

Economize:

Seu vestido não precisa ser djy marka, precisa te vestir bem. Seu sapato não precisa ser caro, precisa ser bonito e confortável. Seu make e seu cabelo podem ser feitos em casa por você mesma e aquela prima que viu todos os tutoriais da Petit.

É claro que se estiver sobrando uns trocados e vai te fazer bem, não há mal nenhum em se dar um dia de princesa depois de tudo que você passou pra chegar aí, mas lembre-se:

  • Ninguém difere se um cabelo bem feito foi confeccionado no Biaggi ou pela dona Zefa do Salão Féxion Rér.
  • Um esmalte Chanel não vai deixar etiqueta na sua unha. Uma base Dior não deixa marca d’água na sua pele. Escolha produtos que aliem qualidade e preço.
  • A não ser que te dêem uma chalcinha com este intuito, ninguém tem como ver se seu vestido é um legítimo Marc Jacobs ou uma obra Luíz Vintão. Escolhe o que te deixa bonita, quem tem que brilhar é você, não o vestido!

Depois dessas dicas, a gente tem certeza que você vai ser a Rainha do Bailinho, amiga! Ahaza, assim como nossa turma de cocotas fez na formatura de Lelê Raio Laser.

Mah de sapato rico, Lelê Cacatua, Thaís DivônicaJulia Van Der Woodsen e Dedé-Maísa. Kaká estava em nossos corações e em NYC comprando presente prazamigue pobreeenha.

Ah, não esquece de indicar o @fashion_d pra gordinha suada de tomara que caia! Sabe como é, a gente tem que pensar no bem do próximo…

Testando 1, 2, 3: Esmaltes Sally Hansen HD – onde estão os holos?

Thursday, November 25th, 2010

Voltei das minhas férias semana passada. Passei 20 dias no primeiro mundo e trouxe algumas coisas bacanas que renderão algumas resenhas aqui para o Fashion Descontrol. Para não perder o título de “louca do esmalte” trouxe mais de 20 vidrinhos de felicidade lá da gringa. Entre eles se encontra a coleção completa dos esmaltes HD da Sally Hansen.

esmaltes sally hansen hd

Muita emoção com os vidrinhos das cores mais gueis que possuo.

Da esquerda para a direita: 09 – Byte, 10 – LCD, 11 – Wavelength, 12 – Hue, 13 – Resolution, 14 – Spectrum, 15 – DVD e 16 – Laser.
As cores são maravilhosas mas não chegam a ser os tão falados holográficos. Por sinal, pedalei bastante em Nova York e não encontrei em lugar algum os holográficos. Não sei se procurei nos lugares errados, em todos lugares que fui, farmácias, casas de cosméticos e salões de beleza, as atendentes nem mesmo sabiam o que era esmalte holográfico.

swatches esmaltes sally hansen hd

Swatches na mesma ordem que os vidrinhos acima.

Os HDs Sally Hansen seguem as tonalidades de um arco-íris. Passei 3 demãos para que as cores ficassem boas e a aplicação é bem fácil, nada de manchas e pincel ruim. A duração deles é ótima, nas patinhas da nossa amada Debilicious eles já duram, sem uma lasquinha sequer, por 3 dias e nas minhas eles também se comportaram muito bem.

swatch do esmalte sally hansen resolution

Participação especial da Débs usando Resolution.

Para quem ficou na vontade de se presentear (natal está ai pra justificar essas coisas gente!) existem várias opções no Ebay e seguindo o tuto para comprar de forma segura não tem erro.

Quero já: Lookbook Evening de Natal da Zara é Sucesso e Glamour

Thursday, November 25th, 2010

Olha, suas linda, normalmente quando eu olho lookbooks e catálogos de loja de departamento minha é sensação é SONO TOTAL. Mas, como nada nessa vida fashionista é uma regra absoluta, a Zara fez um lookbook gramuroso de moda Evening (algo mais ou menos como o nosso Esporte Fino) e conquistou meu coração.

As sugestões de looks são para fazer a rica nas festividades de Natal e Ano Novo e á foram anexadas à pastinha de referência do Natal da família, Natal dazamiga e até da Festa da Firma. Vem comigo dar uma espiada no bafo e entender o porquê:

As sugestões são todas muito femininas, mesmo quando usam os cortes boyfriend. Curti muito esse primeiro look Joãozinho – nada fashionista-masculinizada-forçada (vide Carrie de gravatinha). E, veja bem, pra quem não sabe, Wet Legging é meu nome do meio. Aí a sedução é completa porque bolsa clutch envelope me aqueceu o coração aqui.

O segundo look, com o vestidinho branco, me lembrou alguns modelos apresentados por De La Renta esse inverno. Será que tô bem loca? Já o terceiro tá mega básico mas com um Blazer Boyfriend de veludo molhado que dá pra usar no natal, na rua, na chuva, na fazenda ou numa casinha de sapê. Must-have!

Agora, os próximos dois looks devem fazer Lelê chorar Veuve Clicquot. Segura minha mão e se prepara pro oncismo:

Blazer de oncinha double rainbow oh my God! E queria muito ver a blusinha de baixo de pertinho pra conversar com esse tecido todo.

Saca só o vestidinho acinturado, Lady Like e de oncinha – coisa mais tchutcha da tia, vem já pro meu armário SEULINDO! Só o cintinho de nózinho uniforme de fashionista, que me chateia um pouco – inovação não trabalhamos, né Zara?!

Na ala das brilhosas e purpurinadas, temos opções bacanas também:

Pra quem quiser fazer a Blair pode encarar o De La Rentismo do primeiro vestido, que tá uma gracinha e é uma opção de mini que foge do piriguetismo de sempre. Dani Winitts podia comprar um e dar uma folga pra gente. O vestido do meio tá lindo mas nada de inovador, né? Esses tecidos de paetês e coisas do tipo me dão impressão de “vou desmontar inteiro do caminho da loja pra sua casa”.

O terceiro vestido é pra quem quiser encarar a Serena Van der Woodsen da Classe Média. A Zara tá de parabéns por ter maquiado um pouco mais decentemente sua inspiração no Balmain mais polêmico do ano:

Só eu achei isso? Tô bem loca vendo chifre em cabeça de cavalo?

Pra fechar três looks bem femininos e marcantes:

Os dois primeiros tão bem simples porém lindíssimos. Eu já disse hoje o quanto eu gosto de cintura marcada? Tô bem interessada em ver o tipo de “couro” que fez o primeiro vestido, aliás.

Mas o último tá inexplicavelmente o melhor de todos do universo da vida do mundo pra mim. Jaqueta de couro + Vestido ladylike de tule preto – quer dizer, é a Zara, fazendo de tudo pra conquistar meu coração de wannabe gathz do róquê.

Zara, meus parabéns, duvido que qualquer lookbook de natal supere esse, viu?! A não ser que Beyoncé tenha lido muito Fashion Descontrol nos útimos seis meses, quer dizer…

Descontroladas por aí: encontrinho Hope e Blog da Lelê Saddi

Wednesday, November 24th, 2010

Como eu sou arroz de festa, toma aí algumas aparições do @fashion_d por aí, através de euzinha da silva:

Pra começo de conversa minha frase abalou Bangu e eu almocei com Lelê Saddi e mais um time de gatíssimas no Pasta Gialla.

Flá, Thata, Lelê Saddi, Patrícia Teig e euzinha.

O almoço foi super bacana, conversamos muito sobre tudo que vocês imaginarem. O mais legal foi assistir as meninas sabatinando a Lelê sobre vida de blogueira. Conselhos anotados! A Hope também deu aquela mimada básica nas cocotas presentes no almocinho.

Depois, seguimos para a inauguração da Hope do Shopping Barigui. A Patrícia, que é a dona das franquias Hope em Curitiba, foi uma anfitriã de primeiríssima qualidade. Fomos recebidas em um coquetel phyno com docinhos Viviane Malucelli e conhecemos a coleção nova da Hope. Uma tarde bem divertida!

E a outra novidade que eu queria contar prazamigue é que aquele make sucesso da Katy Perry rendeu um gloss da Natura no Concurso BMCWB e Natura. Katy, você nunca me decepciona! Assim que o bafo chegar, vai rolar postzinho amigo pra vocês.

Tô rabuda ou não tô?

Quero já: entendendo a loucura Lanvin + H&M

Wednesday, November 24th, 2010

Você, beecha pobrinha, que parcela cruzeiro em dez vezes no Visa pra passar quatro dias de felicidade na vida, deve estar assistindo essa proliferação de odes à coleção Lanivn pra H&M e pensando “OIQ?”.

Então a gente, que é solidária com quem tem menos condiçoe$h, resolveu fazer um post pra te explicar que que é que se passa nesse mundo de gente doida:

O que é a Lanvin?

A Lanvin é uma casa francesa de alta costura, fundada por Jeanne Lanvin em 1909. São conhecidos por curtir um drapeadinho básico nas cocotas phynas que usam suas peças. Ultimamente, têm investido bastante em formas arquitetônicas.

O que é H&M?

H&M significa Hennes & Mauritz AB e é o nome de uma fastfashion nascida na Suíça e espalhada pela Europa. Quase uma C&A, se for pensar em estilo, qualidade e preços. Só que em vez de fazer coleções em parceria com a Fergie e a Beyoncé, a H&M curte mais trabalhar com designers renomados.

E o que é essa parceria?

Essa parceria é assim: roupa djy griphy sendo vendida nas araras de uma fast fashion. Feliz? Eu também fico quando vejo esses vestidos volumosos lindos de morrer. O one shoulder amarelo e o sapato de lacinho que abre esse post, por exemplo, me ligam todo dia querendo ser meus.

Então funciona exatamente da mesma forma que as pocket colections que estamos conhecendo por aqui na C&A e Riachuello: um designer convidado desenha uma mini coleção para ser fabricada e vendida de forma mais popular.O apelo comercial acontece porque é uma possibilidade de possuir uma peça de grife pagando pelo precinho de fast fashion – o que parece ser grande vantagem.

Agora pensem que se já assistimos uma mini loucurinha com a coleção Osklen pra Riachuello, o que esperar da Lanvin na H&M, considerando que os europeus já têm mesmo a cultura de dormir em filas para comprar essas pocket colections?

Por acontecimentos como o visto no video acima que as lojas do tipo tem investido em organização na hora de vender essas coleções: pessoas dormindo em filas, senhas distribuidas, entradas em grupo, regras de compras pra ninguém levar vinte vestidos iguais…

As fashionistas que participam desses eventos de compra enlouquecida costumam se divertir. Outras costumam criticar defendendo que um H&M jamais será Lanvin. Glorinha Kalil já deu uma olhada no olho da coleção e testemunhou que a finesse não é tanta.

Eu pessoalmente não vejo ponto em comprar nesse tipo de evento: considerando que as pessoas curtem comprar roupa de grife por ser sinônimo de exclusividade, não me parece muito glamouroso ter um Lanvin e encontrar vinte pessoas com o mesmo vestido na balada. E, pelo número de fashionistas brasileiras loconas vendendo a mãe pelo vestido de tule da coleção, acho provável que tenhamos que aturar o bendito em muitas fotos Momento Ego esse mês.

E vocês, o que acham desse bafafá?

Testando 1, 2, 3: Sombras Fluo Archy

Wednesday, November 24th, 2010

Lembram do pacotão da alegria que a Archy mandou pra gente? Resolvemos que o primeiro babado a ser testado fosse os dois duos de sombras fluo.

Quase todas as marcas de make do tipo vende na famácia brazucas apostaram em sombras fluo esse ano. A tendência fluo foi febre ano passado no mundo todo e, em Terra Brasillis pegou tanto que perdurou o verão.

Testamos os duos 11 (azul e roxo) e 12. Pra quem quiser ver de pertinho, clica na foto e amplia o bafão:

Pra mim, o duo da Archy superou em pigmentação a maioria das sombra fluo que eu vi por aí. O bafo aguentou das 6 da tarde até à 1 da manhã na minha pálpebra sem perder muita cor nem empapar. Tudo isso com a ajuda do meu melhor amigo fixador de sombras, é claro.

A embalagem é bem mais resistente que a maioria dos produtos na mesma faixa. Não que seja a sombra ideal para você levar na necessaire todo dia, mas ela não quebra fácil. Só poderia ser um pouco mais prática de abrir porque estraguei meu esmalte manuseando ela. Fica a dica pra Archy que os farmaceuticos tão nota 10 mas os designers tão 8,0 no máximo.

A maior dúvida que me surgiu quando ví essa belezura foi: ok, tudo lindo – mas, que make eu posso usar nos meus olhinhos de princesa que tenha fluo e não pareça coisa de passista na Sapucaí?

Aí vem a Lauren Luke e nunca decepciona. É só tirar essas pestanas pink bem loca e tá pronta pro sucesso.

Usei esse make pro Sushi Dazamiga dessa semana e nenhuma das minhas bichas preferidas teve um ataque epilético ao me olhar. Acreditem, elas me diriam se estivesse ridículo.

Outras opções mais “discretas” pras que não curtem chamar tanta atenção assim é esfumar a cor com um pretinho ou usar o fluo pra delinear, como eu já ensinei nesse tutorial aqui (minha preferida).

E aí, mais alguma ideia de como usar sombras fluo? Tô bem na pira de fazer mais um tutorial pra vocês com essas belezinhas…

Pra quem quiser procurar sombras Archy, elas estão a venda em várias casas de cosméticos por aí e são muito fáceis de encontrar. Aqui em Curitiba já vi a venda na Ella’s, Casa Costa, Brilhantina, Diva e Casa da Manicure. O preço sugerido é em torno de seis dinheiros.